Notícias

Avião com Jogadores da Chapecoense Cai na Colômbia – Notícias de Mortos e Sobreviventes

Avião com Jogadores da Chapecoense Cai na Colômbia

Lamentável, acidente aéreo com equipe do Chapecoense deixa mortos e feridos, a queda da aeronave que levava os jogadores aconteceu na madrugada desta terça-feira, dia 29 de novembro de 2016 próximo ao aeroporto José Maria Córdova, em Rionegro, perto de Medellín.

Com 81 pessoas a bordo, sendo 72 passageiros e 9 tripulantes, a queda do avião deixou pelo menos 76 pessoas. Entre os sobreviventes tem jogadores como o lateral Alan Ruschel, o goleiro Danilo e Follmann, o zagueiro Neto, um jornalista brasileiro e dois comissários de bordo nomes que ainda serão anunciados. Infelizmente a Cruz Vermelha anunciou a morte do goleiro Danilo.

foto-aviao

Foto Reprodução/TV Globo

O avião da Lamia, matrícula CP2933, decolou de Santa Cruz de La Sierra, na Bolivia e sofreu uma pane elétrica segundo informações de autoridades Colombianas.

A primeira partida Sul-Americana seria disputada amanhã, a viagem mais importante da história da equipe Chapecoense e a primeira vez em que os jogadores catarinenses disputavam um título fora do Brasil.

Nome dos Jogadores da Chapecoense

Os jogadores dos Jogadores da Chapecoense, equipe de Santa Catarina eram os goleiros Danilo e Follmann; os laterais Gimenez, Dener, Alan Ruschel e Caramelo; os zagueiros: Marcelo, Filipe Machado, Thiego e Neto; os volantes: Josimar, Gil, Sérgio Manoel e Matheus Biteco; os meias Cleber Santana e Arthur Maia; e os atacantes: Kempes, Ananias, Lucas Gomes, Tiaguinho, Bruno Rangel e Canela.

foto-do-aviao-queOs jogadores que partiram do aeroporto de Guarulhos com todos os jogadores da Chapecoense e toda a comissão técnica além de jornalistas dia 28 de novembro de 2016, paraam em Santa Cruz de La Siera, na Bolívia e seguiram ocm o avião britânico Lamia, onde caiu 30 km antes do destino final. Foram 75 mortos e 6 sobreviventes até agora.

O avião tinha 17 anos de uso, considerado novo e costumava transportar jogadores de futebol. A falha técnica foi anunciada às 22h (local) entre Ceja e Lá Unión e sumiu do radar entre La Ceja e Abejorral antes de chegar ao aeroporto.

O resgate dos sobreviventes está sendo feita e lamentavelmente, com 75 mortos temos o maior acidente com vitimas fatais na história do futebol. O mau tempo, falha técnica, possível falta de combustível, (há controvérsias), área de difícil acesso, montanhosa e com muita chuva contribuiu para o acidente e está atrapalhando o resgate das vítimas sobreviventes.

sobrevivente-Avião-com-Jogadores-da-Chapecoense

Últimas notícias

Sobreviventes do Avião com Jogadores da Chapecoense

Para tristeza geral, sobreviveram 5 pessoas, entre jogadores e jornalistas. Uma tragédia imensa e lamentável. A primeira notícia sobre sobreviventes eram de 6 pessoas, 3 jogadores, 1 jornalista, 1 comissário e 1 técnico da aeronave.

Comente o acidente.

Comente Via FaceBook

Comentários


Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.