Comportamento

Causas do Suicídio – Se Matar, Como Ver Risco e Prevenção

Causas do Suicídio – Se Matar, Como Perceber Risco e Prevenção

perigos-de-suicídio-como-evitar-Os casos de suicídio tem crescido muito nos últimos tempos, sem distinção de raça, cor ou nível social. Pessoas ricas ou pobres, famosas ou não sofrem com problemas psicológicos na maior parte, que os levam a se matar.

Assunto que muitas vezes é temido e evitado, o suicídio como é chamado o ato de causar a própria morte, é um fato que vem sendo pesquisado na tentativa de descobrir as possíveis causas e poder diminuir os casos.

O caso mais recente de suicida foi do ator Robin Williams, que estava lutando contra uma depressão severa e dependência química, não conseguiu vencer seus problemas pessoais,  e enforcou-se com um cinto, no dia 11 de agosto de 2014.

A triste notícia abalou fãs no mundo todo e fica a pergunta? Poderia ter sido evitado o suicídio de Robin Williams ou de tantos outros que já deram cabo da vida por achar que não podiam resolver seus problemas pessoais ou por estarem em estado profundo de tristeza e depressão?

Segundo médicos especialistas, histórico de depressão, dependência química e de álcool são fatores importantes de risco de suicídio. Mais  de 90% dos casos são levados por doença pisquiátrica não tratada, onde a pessoa busca solução no álcool, drogas para se livrar da depressão.

Perigos de suicídio

O que pode levar uma pessoas a sucidar-se? Cheia de problemas, que muitas vezes são potencializados pela própria pessoa, pelo fato de estar deprimida, e associado ao uso de bebidas alcóolicas e substâncias químicas pode acontecer a diminuição da crítica, do nível de consciência o que pode cadenciar ao suicídio, onde a pessoa adquiri coragem para o ato de matar-se.

A depressão pode vir de problemas financeiros, uma demissão insperada, morte na família, pensamentos negativos, doenças mentais, relações tóxicas, descriminação, entre outros fatores.

Com o aumento da idade e acúmulo de perdas, como momento de aposentar-se, problemas financeiros, menos resistência à doenças levando a perda da saúde, a solidão e sentimento de abandono pela família podem ser considerado também fatores de risco.

Falar que tem vontade de morrer é um sinal claro do perigo da pessoa tornar-se um suicida. Chorar com frequência, visitar parentes, despedir-se, sentimento de culpa, muita irritabilidade, ter melhora na depressão e organizar suas coisas são sinais que devem ser observados por pessoas próximas a vítima, que pode estar decidida em matar-se.

O que fazer para evitar o suicídio de alguém próximo

Segundo médicos especialistas no assunto, abordar o assunto é o melhor caminha, e não incentiva de forma alguma o ato e sim pode abrir espaço para que a pessoa seja tratada e fale sobre seu problema.

O uso de álcool em excesso e de drogas pode levar a uma depressão, o que deve ser observado pela família e pessoas próximas ao doente e tentar fazer algo que a ajude a se livrar do mal a tempo.

Um período que necessita de uma atenção maior dos famíliares é o após um tratamento,onde a pessoa corre riscos de recaída do uso de substâncias químicas e álcool.

 Pessoas com depressão devem ser tratada o mais rápido possível e não devem ter vergonha de falar sobre o assunto.

Escreva seu comentário.

Comente Via FaceBook

Comentários


Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.