Saúde e Bem Estar

Mama Acessória ou Axilar Que é, Sintomas, Tratamento, Cirurgia

Tudo sobre Mama Acessória ou Axilar

Parece não incomodar, ela ou elas ficam escondidinhas ali, ninguém vê e o tempo passa. A moça cresceu e vai ser mamãe, é agora que a mama acessória pode ser um problema considerável. Vamos conferir aqui no blog Essas e Outras informações úteis, que podem ajudar você ter uma decisão mais pensada sobre o problema caso tenha ou conhece alguém que tem. O que é mama acessória?

tudo-sobre-mama-acessória-o-que-é-

Mama acessória

A mama acessória é quando a mulher tem excesso de tecido mamário no corpo, podendo ser maior ou menor e estar próximo aos seios, na linha mamária, região hemiclavicular, na parte frontal do tronco, desde as axilas até próximo ao umbigo. Elas se localizam com mais freqüência na região das axilas, sendo denominada também como mama axilar.

O mama acessória é uma saliência leve ou mais acentuada, que pode ser unilateral ou bilateral e costumam incomodar mais no período menstrual ou na gravidez. Veja abaixo tudo sobre mama acessória.

No período do desenvolvimento do embrião se formam na linha láctea ou mamária como o citado acima, que abrange da axila até a virilha, várias mamas. Com o passar do tempo, durante o desenvolvimento do feto elas desaparecem, ficando somente as mamas na região do tórax. Uma falha nesse processo causar a mama acessória, que pode ter localização variada.

Um incômodo acompanhado de dor e uma saliência ou gordurinha a mais pode ser sinal de mama acessória. Normalmente é no período menstrual que a moça percebe que tem algo errado naquele lugar, pois vai sentir uma leve dor e perceber um aumento dela, como se fosse um incômodo nas mamas muito comum na época.

Mais freqüente do que parece, as mamas acessórias podem surgir na adolescência, por fatores hormonais, o que possibilita o aparecimento de uma ou mais mamas no corpo. Elas são mais evidentes quando acontece um aumento de peso e ficam esteticamente desconfortáveis. Uma consulta com um médico ginecologista pode dar o diagnóstico correto após o relato dos sintomas, podendo ser ou não a mama acessória. Conforme a dimensão do problema é feita ou não uma cirurgia reparadora para evitar futuras complicações.

Tratamento da mama acessória

Segundo médicos especialistas em casos leve do problema, a dica é acompanhar somente o desenvolvimento com o passar do tempo, evitando doenças mais graves, já que pode abrigar patologia maligna. Quando ela é visível, incomoda esteticamente, podendo ser também um problema sério ao engravidar, o que torna necessário fazer uma cirurgia para a retirada delas.

Cirurgia da mama axilar ou acessória

Não existe um tratamento além da cirurgia, o procedimento é simples, onde é feita uma pequena incisão para a retirada da glândula, com anestesia local e sedação, ou anestesia geral, dependendo das dimensões do problema. Em casos simples, a cirurgia pode levar de 40 minutos à uma hora e meia de duração e após 5 horas em média a paciente é liberada, seguindo recomendações médicas do pós-operatório, que envolve curativos e compressas.

Quando temos uma mama axilar, é feita a incisão na prega axilar e é retirado o tecido mamário, ficando somente uma leve cicatriz, que devido ao local, pode passar despercebida. O médico especialista no tratamento é um cirurgião plástico ou um senologista ou mastologista.

A perda de peso ou uma lipoaspiração são aliadas no tratamento. A recuperação é rápida, levando em média duas semanas para tudo voltar ao normal, tendo cuidado ao movimentar os braços, visto que o corte e pontos podem ser afetados pelo movimento, dormir de bruços por em média um mês e não pegar peso são outras recomendações pós cirurgicas.

Mama acessória na gravidez

A mama acessória em mulheres gestantes vai ficar mais saliente, e no período da amamentação podem trazer problemas sérios, sendo necessária inclusive internação. O que acontece é que elas vão produzir leite materno como os seios, e não havendo ligação com as mamas, o leite não tem por onde sair, podendo empedrar e inflamar a região.

Escreva seu comentário aqui, compartilhe sua dúvida ou experiência.

Assuntos do Artigo:
  • mama acessória axilar ultrassom
  • glandulas mamárias nas axilas
  • glandulas mamárias nas axilas fotos
  • mama acessoria pode virar cancer
  • Problemas com tendão apos cirurgia de mama acessoria

Comente Via FaceBook

Comentários


Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

16 Comentários

  1. Ana Paula disse:

    Eu estou grávida e tenho mana acessório, o que devo fazer pra prevenir qualquer mal na amamentação? Fiquei preocupada.

    • Graci disse:

      Olá Ana Paula

      O correto é você buscar orientação com o médico que acompanha seu pré-natal.

      Nossa matéria é somente um esclarecimento resumido sobre Mama acessória.

      Volte sempre.

  2. Jackeline disse:

    Um cirurgião geral pode fazer essa retirada da mama axilar ? Por ser um procedimento simples. 

  3. Fernanda disse:

    Olá!

    Estou grávida e tenho mama acessória. Tenho uma filha e sofri muito com esse problema na amamentação dela. A cirurgia pode ser realizada durante a gestação?

    • Graci disse:

      Olá Fernanda

      Normalmente a retirada da mama acessória só pode ser feita após a gestação e amamentação.

      O correto é você conversar com sua ginecologista.

      Na maioria dos casos o problema melhora e até desaparece após a gestação.

      Boa sorte

  4. Daniela disse:

    Gostaria de saber se vocês poderiam me informar sobre o valor da cirurgia?

  5. Joselaine disse:

    Ok eu gostaria de saber o preço em média dessa cirurgia e se quando faz um ultrason e aparece um nódulo se é normal 

    • Graci disse:

      OLá Joselaine

      O correto é você consultar um médico ginecologista para averiguar  e orientar em relação ao seu caso e preço da cirurgia.

       

  6. MARIA EDIT disse:

    estou com mama acessorio nos orgao genitais e de baixo das acsilas o q fasso

  7. Vanda disse:

    Fiz a cirurgia para retirar as mamas acessórias das 2 axilas faz 4 dias . Só que percebo que continua igual antes .O corte foi a cima da glândula a glândula fica mais para baixo . Estou com medo do medico não ter retirado . Vou voltar no medico segunda estou com medo de ter que operar de novo.

  8. viória disse:

    olá tenho 15 anos e tenho a mama acessória, será que eu posso fazer a cirurgia para retirar? pq é algo que atrapalha muito na minha autoestima e eu nem tenho amigos por causa disso.

  9. Adriana Diniz disse:

    Ola meninas eu tenho mama acessoria e a minha ? um seio perfeito com aoreola e td pra minha sorte durante a amamentaçao do meu filho o leite vazava pelo bico dessa mama acessória e nao me causou nenhum transtorno a nao ser o de ter uma toalha tapando ela pra nao vazar quando amamentava no seio ao lado dela.Ate hoje meu ginecologista briga comigo pra fazer a retirada mas tenho muito medo.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.