Scroll Top

Livros e Literatura

Memória da Casa dos Mortos – Resumo Livro de Fiódor Dostoiévski Sobre a Vida na Prisão

Memória da Casa dos Mortos

Apesar de ser um livro muito antigo, Memória da Casa dos Mortos continua bem atual. O livro, do famoso autor russo Fiódor Dostoiévski, foi publicado entre 1860 e 1862 em uma revista russa. A história se passa em uma prisão na Sibéria e é narrada pelo personagem de Alieksandr Pietróvitch, assassino confesso da própria mulher, ao ser preso, ele começa a conhecer uma realidade totalmente diferente da que estava acostumado e em suas anotações, faz um minucioso relato do dia-a-dia dos prisioneiros.

Durante a narrativa, o autor explora o fundo da alma de cada um dos presos, revelando o sofrimento físico e mental do cárcere e a progressiva e total anulação da individualidade, sem deixar de lado a crítica a um sistema que fomenta o ódio e que não se preocupa em recuperar os cidadãos para a sociedade.

livro-memoria-da-casa-dos-mortos

Opinião sobre Memória da Casa dos Mortos

O nome do livro dá uma ideia de algo muito sombrio e triste, porém, ao ler o relato, o que se tem é uma descoberta da personalidade que há por trás das pessoas rejeitadas pela sociedade. É interessante sair de sua zona de conforto e começar a pensar sobre essa realidade tão diferente da qual estamos acostumados a ver e a ler sobre.

E o livro se torna ainda mais interessante quando você descobre a história por trás de sua elaboração. Segundo historiadores, Memórias da casa dos mortos narra um dos períodos mais difíceis da vida de Dostoiévski (e 1821 a 1881) quando passou alguns anos na prisão. Em 1849, ele foi condenado à morte por debater idéias 'revolucionárias'. Porém, minutos antes do fuzilamento, sua pena acabou sendo comutada por quatro anos de prisão e trabalho forçado na Sibéria. Essa fase, de 1850 a 1854, deixaria marcas profundas no escritor, que transformou a dor do confinamento neste livro. Como se vê a vida do autor é triste e emocionante dentro e fora das páginas.

O tema divide opiniões com certeza, já que o sofrimento das pessoas confinadas é imenso, mas, e a mulher que perdeu a vida pelas mãos do próprio marido?

Escreva seu comentário aqui no blog Essas e Outras.

Comente Via FaceBook

Comentários

1 Estrelinha =(2 Estrelinhas3 Estrelinhas4 Estrelinhas5 Estrelinhas =) Classifique Nosso Artigo de 1 à 5 Estrelas :)
Loading...

Artigos Relacionados à Memória da Casa dos Mortos – Resumo Livro de Fiódor Dostoiévski Sobre a Vida na Prisão!


Seja o primeiro a comentar!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo: