Animais

Passaporte para Cães e Gatos: Como Tirar, Informações, Endereço e Site

Passaporte para Cães e Gatos – Como Tirar documento para pets, Informações, Vantagens, Endereço e Site

passaporte-para-cães-e-gatos-como-tirar

Para quem ouviu falar em passaporte para cães e gatos e se interessou pela ideia, a novidade é que desde o dia 24 de fevereiro de 2014 o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento passou a emitir o documento.

Um documento que vai agilizar a liberação do seu cãozinho ou gato para o transporte e que nele estará contido todas as informações a respeito do bicho. O passaporte para cães e gatos não é um documento obrigatório, devendo ser de iniciativa do dono.

O novo documento para animais vai substituir o Certificado Veterinário Internacional que era usado, o CVI.

Como tirar o passaporte para cães e gatos

 

  1. O primeiro passo é procurar um veterinário, que vai implantar no seu animal um microchip facilitando a identificação do mesmo em qualquer país. O microchip é do tamanho de um grão de arroz e vai ficar sob a pele do animal.
  2. Você deverá ir até uma unidade do Sistema de Vigilância Agropecuária Internacional – Vigiagro, encontrados em aeroportos, portos e postos de fronteira nos estados.
  3. Levar uma foto 5×7 do animal (opcional).
  4. Preencher requerimento do documento, com informações como nome e endereço do dono do animal; descrição do animal; nome, espécie, raça, sexo, pelagem e data estimada do nascimento; número de identificação eletrônica do animal (mcrochip); dados de vacinação e exame clínico fornecidos por médico veterinário.

O passaporte para cães e gatos ficará pronto em 30 dias, nos idiomas português, Inglês e espanhol.

Antes de viajar com o animal, o proprietário dele deverá observar a possível aceitação do documento e exigências sanitárias do país em que vai visitar.

Que animal poderá obter o passaporte

 

O passaporte para cães e gatos é fornecido para animais:

  • Que nasceram no Brasil ou exterior e importados de forma definitiva ao Brasil;
  • Que tenha no mínimo 90 dias de vida;
  • Criados por donos que moram no Brasil;
  • Que foram examinados por veterinário.

A troca de dono requer um novo documento que deverá ser feita mediante a apresentação obrigatória do passaporte antigo.

O passaporte de cães e gatos serão emitidos  em uma unidade do Sistema de Vigilância Agropecuária Internacional. As informações sobre endereço das unidade você encontra no site do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento .

Escreva seu comentário.

Comente Via FaceBook

Comentários


Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.