Scroll Top

Artes

Tudo Sobre Cândido Torquato Portinari – Artista Plástico Brasileiro

 

     

     

          Cândido Torquato Portinari, Artista plástico brasileiro, nasceu em 30 de dezembro de 1903 em Brodowski, numa fazenda de café, interior de São Paulo.

           De origem humilde, filho de imigrantes Italianos, Portinari teve pouca formação escolar, mal completou o ensino primário.

           Desde criança já mostrava talento pelas artes. Aos quatorze anos seu talento pela pintura foi notada por um grupo de escultores e pintores italianos que restauravam igrejas, e o contrataram. Com 15 anos, em 1919, Portinari matriculou-se na Escola de Belas Artes como aluno livre, no Rio de Janeiro.

           Participou de várias exposições, se destacando e chamando atenção de professores e da imprensa. Em 1928  ganhou  com a tela “Retrato do Poeta Olegário Mariano”  medalha de ouro e uma viagem a Europa como prêmio.

 

 

          Passou dois anos em Paris, onde manteve contato com artistas como Othon Frisz e Van Dogen e conheceu Maria Martinelli, sua companheira.   Longe e com saudade da pátria, retorna ao Brasil e começa a retratar em suas telas o povo brasileiro, com um interesse social mais profundo, aderindo estilo moderno.

          Em 1935 nos Estados Unidos ficou reconhecido recebendo a menção honrosa no Carnegie de Pittsburgh com a tela “Café”, retratando uma cena de colheita típica de sua região de origem.

          Sua projeção nos Estados Unidos se consolidou no final da década de trinta. Em 1939 Portinari faz três grandes paineis para o pavilhão do Brasil na Feira Mundial de Nova York e o Museo de Arte Moderna de Nova York adquire sua tela “o Morro”. Em 1940 , Portinari participa de uma mostra de arte latino-americana no Riverside Museum de Nova York e expõe individualmente no Instituto de Artes de Detroit e no Museu de Arte Moderna de Nova York, com sucesso de vendas, público e critica.

 

 

          O primeiro livro sobre Portinari His Life and Art, foi publicado em dezembro de 1940, com introdução do artista Rockwell e muitas reproduções de sua obra.

          Volta ao Brasil em 1946, como um artista famoso que valoriza mais as cores e dedica-se mais a murais e afrescos.

          Em 1951 a I bienal de São Paulo expõe obras de Portinari.

          Em 1954 Portinari apresenta problemas de saúde causado por intoxicação por chumbo presente nas tintas. Não obedecendo ordens médicas e continuando seu trabalho Portinari morre em 6 de fevereiro de 1962 envenenado pelas tintas.

          Gostou da história de Portinari??? E das telas??? Comente.

Assuntos do Artigo:
  • candido torquato portinari

Comente Via FaceBook

Comentários

1 Estrelinha =(2 Estrelinhas3 Estrelinhas4 Estrelinhas5 Estrelinhas =) Classifique Nosso Artigo de 1 à 5 Estrelas :)
Loading...

Artigos Relacionados à Tudo Sobre Cândido Torquato Portinari – Artista Plástico Brasileiro!


Seja o primeiro a comentar!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo: